13 de agosto de 2010

Variedades de couve

As principais variedades cultivadas entre nós e que pertencem ao primeiro grupo, o qual compreende a variedade Acephala, DC., cujas variedades hor-tícolas não formam “cabeça” e de que é tipo a couve-galega, e a variedade sabauda L., de variedades hortícolas com folhas crespas, enrugadas e bolhosas, de que é tipo a couve-de-saboya ou de Milão, algumas não formando cabeça e outras formando-a, porém frouxa: 1) — Couve-cavaleira arbórea ou cove-de-vaca; planta vigorosa e alta, até 2m de altura, com folhas lisas, grandes e ligeiramente enrugadas. Dá ótima forragem para porcos, galinhas, carneiros, coelhos, etc. Na ilha de Jérsey seus caules são aproveitados para bengalas que são objeto de comércio e uma das curiosidades que todos os excursionistas adquirem como lembrança da visita ao local. 2) — Couve cavaleira-vermelha
— porte menor que a precedente, porém ainda mais rústica, pecíolos e nervuras das folhas avermelhados. Igualmente forra-geira, contém em média 8,9% de matéria seca, 1,9% de proteína bruta digestível e 1,3% de proteína real digestível, sendo de 15,96 o valor liqüido da energia em grandes calorias. 3)
Couve-celga verde-amarelada de Dreiembrunnen: planta .sem “cabeça”, verdura excelente para a mesa. 4) — Couve de la Sarthe: forrageira e muito produtiva, em França entra também na alimentação humana, pelo menos na estação primaveril. 5)
— Couve de Milão “Favorita de Grrot”: folhas frizadas, variedade precoce.

Filed under: Couve,Plantas medicinais — admin @ 21:45 Tags:,