17 de dezembro de 2012

Educação melhora saúde

Pesquisas realizadas em 25 países mostram que, nos lugares onde as mães receberam entre 1 e 3 anos de orientação escolar, a mortalidade infantil foi reduzida em 15%. A pesquisa, veiculada pela Salud Mundial, órgão informativo da Organização Mundial de Saúde, concluiu que quanto maior a taxa de escolaridade da mãe, menor é o índice de mortalidade infantil.

No Peru, por exemplo, sete ou mais anos de educação escolar reduzem o risco de mortalidade infantil em quase 75%. Dados de 13 países africanos informam que 10% de aumento nas taxas de alfabe-tízação feminina ocorrido entre os anos de 1975 e 1985, corresponderam a 10% do índice de mortalidade infantil observado na mesma época.

Filed under: Abc da saúde — admin @ 17:02 Tags:,