14 de agosto de 2010

Beneficios da couve

Couve-de-milão “Victoria”: folhas numerosas e tão delicadamente enrugadas que é inconfundível mesmo com as demais variedades de folhas iguais, folhas tenras, macias e saborosas, forma “cabeça” grande, verde-amarelada.
Couve-de-mosbach: folhas verde-claro, quase pálido, numerosas, frisadas, as superiores recurvadas para trás, nervuras brancas, fortes, caule de 60-7Ocm. Boa como legume, é também ornamental.
Couve-de-sabóia “das Virtudes” ou couve-de-milão “das Virtudes”: folhas exteriores numerosas, grandes, rugosas, abertas, verde-escuro, glaucas, folhas interiores formando “cabeça” achatada, às vezes lavada de cor de vinho.
Couve-de-sabóia “precoce de Aubervilliers” ou couve-de-milão “grossa das Virtudes”, variedade obtida da anterior e que dela se distingue principalmente por ter o caule mais curto, a cor mais loura e menos glauca, as folhas mais finamente enrugadas e a “cabeça” mais achatada.
Couve de Sabóia dourada ou couve-de-milão dourada: folhas interiores grandes, verdes, muito mais enrugadas e quase todas inclinadas para trás, de cor loura, quase amarela, “cabeça” comprida, pouco fechada.
Couve de Sabóia verde ou couve-lombarda ou couve-de-milão ordinária: folhas exteriores grandes, verdc-glau-co, enrugadas, as interiores formam uma cabeça’ regular, pouco fechada.