11 de maio de 2011

Verbena propriedades

VERBENA (Verbena officinalis, L.).
Família das Ver-benáceas. Esta planta silvestre é muito comum dos terrenos incultos. Possui pequenas folhas denteadas e pequeninas flores cor de malva; Dá-se-lhe, no Brasil, o nome de jurujuba. Na rança é conhecida íguanneme pelos nomes de erva-de-vênus, erva-sagrada, erva-das-feiticeiras, erva-de-encantamentos. Emprega-se em Medicina toda a planta quando florida. Contém um glicosido, a verbenalina, que é um enérgico redutor, antinevrál-gico e febrífugo, sem ser tóxica. Diz-se que a verbena aumenta a secreção do leite e que nas parturientes ela mantém o tônus uterino. Certifica o Dr. Leclerc haver obtido bons resultados com o extrato fluido da planta estabilizada (uma ou duas colhe-radas de café desse extrato, por dia) em alguns casos leves de nevralgia do trigêmeo. Seu nome deriva do latim verbenare que significa bater, marcar, porque com ela se costumava assinar os tratados, sendo considerada planta sagrada. Desempenhava papel importante na vida política e nos ritos da liturgia, motivo porque manteve durante toda a Idade Média uma alta reputação. Existe outra espécie de verbena, denominada verbena odo-rífera (verbena odorata), cuja infusão perfumada é muito apreciada. Todavia, alguns autores fazem certas reservas a respeito desta última planta. Dizem eles que embora seja uma planta muito mais nobre, porque originária do Chile introduzida na Europa já no século xviii, ela pode causar irritações do estômago e provocar gastrites. Assim o seu uso deve ser feito com precaução.

Filed under: Plantas medicinais,Verbena — admin @ 21:05 Tags:,