14 de março de 2011

Romãzeira

ROMÃZEIRA (Punica granaíum, L.).
Família das Punicáceas. Pequeno arbusto de folhas opostas, alternas, ou fasci-culadas. Tem flores solitárias ou agrupadas. O fruto, a romã, é “delicado, refrescante, tanto mais gostoso quanto mais maduro”, diz Eurico Santos”. “A nova família das Punicáceas é parte desmembrada das Mirtáceas, sendo próxima também das Leciti-dáceas. A romã, fruto desta espécie, é grande, de casca amarela manchada de escuro que, quando madura, arrebenta a casca na corona, deixando ver as sementes ou bagos, de cor rósea ou carmim vivo, doces e adstringentes.” (Eurico Teixeira da Fonseca.) Este arbusto prefere terras úmidas, frutifica no terceiro ano, e multiplica-se por semente, estaca e mergulho. Distancia entre os pés: de quatro a cinco metros. O pericarpo e o líquido das sementes encerram propriedades adstringentes. As cascas contêm grande quantidade de tonino, grenadine, punicina e ácido gálico. Portanto possuem virtudes meidcinais: combatem ver-minoses. A romãzeira é cultivada em todo o Brasil, principalmente no Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Filed under: Plantas medicinais,Romãzeira — admin @ 5:34 Tags:,