13 de novembro de 2009

A especie

A especie

Esta espécie nunca foi encontrada no estado silvestre, mas sua pátria deve ser a Índia, visto que até tem nome sânscrito (Kurmurunga), de onde os atuais nomes vulgares indianos são mera corruptela; alguns autores acreditam que seja originária das Molucas ou de Java, e finalmente, Cooke, que dirigiu os serviços na Índia durante longos anos e deixou notáveis obras de sistemática, escreveu que a Caramboleira deve ser nativa do continente americano.

12 de novembro de 2009

Folhagem

Folhagem

Também sua folhagem é espessa e as folhas oferecem a particularidade de serem extremamente sensíveis e fecharem-se uma a uma apenas sejam levemente tocadas, posição essa que aliás, para dormir, tomam todas as noites. É muito comum nos jardins da China.

11 de novembro de 2009

Caule

Caule

O caule é constituído por madeira mole e leve, tecido grosseiro, fibras compridas, veias pretas sobre fundo mais claro, difícil de trabalhar e sem aplicação industrial conhecida, peso específico 0,560 (Grisard). É árvore ornamental, sobretudo na época da floração e da frutificação, quando se cobre de suas abundantes e vistosas flores e de seus belos e grandes frutos (diz-se que até 5.000 em cada ano)

Filed under: Caramboleira,Plantas medicinais — admin @ 1:08 Tags:, ,

10 de novembro de 2009

Caracteristicas planta

Caracteristicas planta

Encerra ácido oxálico e em vários países é considerado excitante do apetite, antidesintérico, antiscorbútico e febrífugo, sobretudo nas febres biliosas, servindo ainda para tirar manchas de ferro e de tinta e até para limpar metais, empregado alhures como mordente na tinturaria. As flores são comestíveis como salada. A raiz e as folhas entram na farmacopéia indiana.

9 de novembro de 2009

Frutos carnosos

Frutos carnosos

Embora sem intensidade, esta espécie é cultivada em todo o país, como frutífera, em verdade a “carambola” é um fruto bonito e elegante, o qual, quando bem maduro, é comestível e agradável, especial para compotas e geléias, fornecendo abundante suco agridoce, refrigerante e saudável, enquanto verde o fruto serve para conserva em vinagre (picles).

7 de novembro de 2009

Caramboleira

Caramboleira

CARAMBOLEIRA
(Averrhoa carambola, L.). Família das Oxalidáceas. — Árvore pequena, até 8m de altura e 40cm de diâmetro, caule nodoso e tortuoso, às vezes oco, ramos numerosos e flexíveis, folhas alternas, compostas de 5-11 folio-los curto-peciolados, oval-oblongos, acuminados, oblíquos e agudos na base, até 65mm de glaucos e glabros na inferior, flores variegadas, brancas e purpúreas, pequenas, dispostas em raci-mos curtos, geralmente axilares, freqüentemente caulinares, sempre paniculados; o fruto é uma baga oblonga, agudo-angulosa (5 ângulos ou arestas longitudinais) camosa, grande, amarelo–âmbar, pseudotransparente, 5-Iocular; sementes com arilo, 2 em cada lóculo.