2 de julho de 2009

Bananas

Bananas

A banana contem fécula, açúcar, água, hidrato de carbono, cinzas, proteína e matéria graxa. Faz-se com ela também vinho, além de certa qualidade de aguardente, vinagre, whisky (na Jamaica), cerveja doce (no Congo), uma outra espécie de cidra.

Banana

Banana

No Brasil a banana é muitíssimo comum, principalmente nos Estados de Santa Catarina, Paraná e São Paulo. Só que no nosso país ela não é a alimentação principal. Apenas é empregada como alimento adicional ou sobremesa.

1 de julho de 2009

Bananas

Bananas

Constitui a principal alimentação das ilhas Filipinas, grandes e pequenas Antilhas, do arquipélago malasiano, América Central, África e Ásia tropicais, China, Japão e índia, sendo que o maior consumidor de todos são os Estados Unidos da América do Norte. Aquele país consome milhões e milhões de cachos.

30 de junho de 2009

Banana

Banana

A banana é o fruto que desperta maior interesse no comércio internacional. Muitos navios percorrem os mares transportando o fruto da bananeira, que ocupa lugar de destaque nas mesas mundiais, não admitindo mesmo outra fruta que a possa rivalizar em comércio c consumo.

A bananeira

A bananeira

A bananeira produz grande quantidade de frutos saborosos e feculentos e que, apesar da falta de proteína, são entretanto ricos em outras matérias nutritivas de grande valor, conforme as suas variedades, tanto como comestíveis crus, fritos, secos, assados ou passados, em geléias, compotas, pasta (a famosa bananada) ou mesmo reduzido a farinha, (bananose), mingaus e bolos; são sempre saudável e por isso mesmo usados sempre na alimentação infantil, para adultos enfermos ou não.

29 de junho de 2009

Bananeira

Bananeira

Outra subespécie também comestível crua é a Sapientum Schum, de pseudocaule até 6m de altura, flores numerosas com bráceas rosas decíduas e fruto oblongo, geralmente subtrígono, às vezes cilíndrico, sempre carnoso, ligeiramente ou pouco recurvado, às vezes reto, amarelo ou avermelhado, de 8 a 20cm de comprimento.

Fibra bananeira

Fibra bananeira

Seus frutos são comestíveis no estado natural, ou seja, sem necessidade de cosimento, com exceção de banana rajada que é conhecida como banana-de são tomé, originária da ilha africana desse nome, com folhas e frutos mais compridos e com estrias brancas e brácteas vermelho claras interiormente, cultivada em várias nações do globo, inclusive no Brasil.

28 de junho de 2009

Folha bananeira

Folha bananeira

Existem as subespécies como bico verde, figo, ouro, maçã, pernambuco, prata, rosa santa Elisa, etc. Têm frutos pequenos, cilíndricos ou angulosos, de casca coriácea amarelo brancacenta ou amarelo intenso ou ainda violácea.

Bananeira

Bananeira

Outra variedade é a banana de são tomé, cujo fruto é menor, mais cilíndrico e mais reto, com polpa amarela, mais apropriada para assar, enquanto as anteriormente citadas são próprias para fritar.

27 de junho de 2009

A bananeira

A bananeira

Esta é a espécie tipo, abrangendo as diversas variedades em que a maturação não basta para transformar o amido em açúcar, isto é, daquelas cujos frutos, mesmo quando completamente maduros, são comestíveis somente depois de cosidos e conhecidos pelos nomes de caiena, maranhão, mata fome, meiapataca, e banana da terra.