13 de setembro de 2010

Dente de leão indicação

Dente de leão.
Em vários países suas folhas novas são aproveitadas para fazer uma salada, com fama de medicinal também. E planta forrageira recomendada para todos os animais, especialmente coelhos, carneiros e vacas, por aumentar a secreção láctea e, ainda, melhorar o leite. Contém matéria hidrocarbonada, matéria azotada e matéria graxa. Suas sementes são pequeníssimas, pois, um grama contém no mínimo 900 delas. Suas folhas são radicais, glabras, dispostas em roseta, atenuadas em pecíolo, oblongas ou lanceoladas, muito polimorfas, raras vezes sinua-do-denteadas ou quase inteiras, geralmente runcinado-pinatífidas ou pinati-partidas; segmentos ou lobos desiguais, triangulares ou oblongos, agudos, incisados ou denteado-acuminados, sendo o treminal mais amplo; seus capítulos grandes, multifloros, solitários no ápice dos escapos e suas flores todas liguladas, amarelo ouro. O fruto é aquênio oblongo-fusiforme, atenuado nas duas extremidades, estriado e com dentes no ápice, terminando com papilho de pêlos brancos, radiados, sedosos, formando uma esfera branca que o vento dissemina facilmente.

Nenhum comentário »

Nenhum comentário.

Feed RSS dos comentários deste post TrackBack URI

Deixe um comentário

Você precisa fazer o logged in para publicar um comentário. .